Blogue luso-brasileiro
Sexta-feira, 10 de Novembro de 2017
HUMBERTO PINHO DA SILVA - A INFANTILIZAÇÃO DA SOCIEDADE

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Tinha um amigo – digo: “ tinha”, porque logo que viu que não lhe podia ser útil, sumiu, – cujo primogénito frequentava Escola de Ensino Superior.

Não havia motivo de me referir a ele, senão fosse o facto de falar com o filho em chilreios e figurarias, como se conversasse com menino!

Certa ocasião, encontrei-o radiante. Contou-me que tinha ido falar com o reitor (?!). Este, depois de haver consultado professores, disse-lhe: “ o “ menino” era bom aluno, mas podia ser melhor, se estudasse mais…”

Sei que há mãezinhas que vão acompanhar o filho, para matriculá-lo na Faculdade! …; e filhos, que uma vez obtido o diploma, fazem da casa paterna, hotel…

Não por necessidade, mas por comodismo. Ter cama, mesa e roupa lavada, de graça, sem preocupações, é o que buscam muitos da geração canguru.

Quando era menino e moço, sempre fui para a escola, a pé, e sozinho, a exemplo de muitos outros.

Agora vão de automóvel, desde a “Primária”, até à Universidade. A educadora do Jardim-de-infância, leva-os a conhecer a escola “ Primária”; e os finalistas da “ Primária”, vão, em cortejo, visitar o Liceu…

Os “ meninos” são, agora, superprotegidos. Tudo lhes é facilitado. Tudo lhes é feito para que não fiquem traumatizados.

Traumatizado, fica o professor, que, paralelamente com o desinteresse de muitos alunos, tem que suportar a má- educação, e constantes desrespeito, com paciência evangélica….Não vá ofender os “ meninos”…

Dizem que os jovens devem ter direitos, porque são “ adultos”. Podem e devem votar, mas… se prevaricam, são imputáveis! Os governantes, deste modo, são eleitos por irresponsáveis! …

Com vinte e poucos anos, ou menos, podem ser: advogados, juízes, professores, oficiais do exército, políticos, educadores… mas se o jovem (adulto) prevarica, logo desculpam: que é uma rapaziada ou raparigada…

Basta-lhe pedir desculpa…. E tudo fica resolvido.

- “ Já lhe pedi desculpa…” – dizia “jovem” paulista, a senhora que ofendera, com palavras e gestos.

Estamos a infantilizar a sociedade, devido à forma como se educa a juventude.

Depois… Depois, queixam-se que os jovens são violentos, desrespeitadores, indisciplinados.

De quem é a culpa?

 

 

 

HUMBERTO PINHO DA SILVA   -   Porto, Portugal



publicado por solpaz às 14:38
link do post | comentar | favorito
|

Europa
mais sobre mim
Brasil
arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

pesquisar
 
Foz Coa
links