Blogue luso-brasileiro
Sexta-feira, 10 de Novembro de 2017
JOÃO CARLOS JOSÉ MARTINELLI - AINDA A INTOLERÂNCIA PREVALECE EM NOSSOS DIAS

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Estamos verificando muitos casos de ódio entre pessoas de raças, crenças e países diferentes. Por outro lado,  postagens em redes sociais demonstram que há muito intolerância no Brasil e em todo o mundo, orrendo manifestações discriminatórias até contra regiões específicas brasileiras. Realmente, tal descontrole em relação a falta de respeito com os outros revela  incapacidade de milhares de pessoas em conviver com o diferente e aceitar a opinião e a liberdade de expressão de terceiros. Infelizmente, são constantes e até diárias acontecimentos dessa natureza, provocando milhares de vítimas de uma violência injustificada. O conceito de civilidade é sempre colocado à prova quando o assunto é o acatamento à diversidade, a defesa dos direitos de minorias sociais e culturais, a atenção devida a idosos, crianças e deficientes físicos.

Sempre que os cidadãos são motivados a se manifestar ou agir em situações diferenciadas, deixam transparecer o grau de deferência e cultura de civilidade, atestando o seu nível de evolução social. E assim, continuamos a verificar que o preconceito ainda domina, gerando insegurança jurídica, agressões abusivas e um clima de prepotência e superioridade absurdo, que só encontra embasamento na ignorância humana e reduzem sensivelmente nossos índices de boa convivência.

E nesse mês debatemos mais a questão pois o Dia Internacional para a Tolerância,  foi instituído pela Organização das Nações Unidas a dezesseis de novembro de cada ano em reconhecimento à Declaração de Paris, assinada no dia 12 deste mês, em 1995, tendo 185 países como signatários e que criou a UNESCO, incentivando a  condescendência para a harmonia entre os povos.

Mais do que nunca, é preciso combater veementemente quaisquer formas de discriminação e exclusão social, constituindo-se tal premissa num compromisso não só do governo, mas de toda a população em geral.

Está mais do que na hora de entendermos que todos são iguais perante a lei e na concepção divina, todos são irmãos, independentemente de opção sexual, cor da pele, status social, crença religiosa, naturalidade e outros aspectos, merecedores de idêntico respeito e consideração.

 

 

DIA MUNDIAL DA CIÊNCIA PELA

PAZ E PELO DESENVOLVIMENTO

 

 

Estabelecido em 2001 e celebrado no Brasil desde o ano 2005, o “Dia Mundial da Ciência pela Paz e pelo Desenvolvimento” é comemorado todo dia 10 de novembro, sexta-feira passada. Essa data representa uma oportunidade para que se reflita sobre a função que a ciência desempenha na construção de um mundo melhor e nela pretende-se reiterar o compromisso da UNESCO em: • fortalecer a consciência pública do papel da ciência na promoção de sociedades sustentáveis e pacíficas; • promover o intercâmbio nacional e internacional do conhecimento científico; • renovar o compromisso nacional e internacional no uso da ciência em prol da sociedade e • enfatizar os desafios enfrentados pela ciência e fomentar o apoio à promoção do desenvolvimento científico.

 

                  PARA NÃO SENTIR TÉDIO...

 

 

Não sente tédio quem ama a verdade. Quem gosta de estudar, de ler, de conhecer, de descobrir novos horizontes. Quem sabe admirar as maravilhas da natureza e da arte. Quem tem um pouco de poesia para descobrir o encanto das pequenas coisas da vida. Quem sabe superar o próprio egoísmo para abrir ao amor de Deus e dos homens. Não sente tédio, enfim, quem possui um ideal de vida.

          

 

JOÃO CARLOS JOSÉ MARTINELLI é advogado, jornalista, escritor e professor universitário. É presidente da Academia Jundiaiense de Letras (martinelliadv@hotmail.com)

 



publicado por solpaz às 15:36
link do post | comentar | favorito
|

Europa
mais sobre mim
Brasil
arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

pesquisar
 
Foz Coa
links