PAZ - Blogue luso-brasileiro
Segunda-feira, 27 de Dezembro de 2010
Côn. JOSÉ GERALDO VIDIGAL DE CARVALHO - PARA UM 2011 FELIZ

O raiar de um novo ano deve levar a uma reflexão profunda sobre o que significam de fato os votos, desejando felicidade nos trezentos e sessenta e cinco dias que principiam. Em primeiro lugar se supõe que tais augúrios estejam alicerçados com preces ao Ser Supremo, doador de todas as graças. Além disto, cumpre, para que o ano seja feliz, que cada um replete o próprio coração de muita esperança. O ser humano sem esperança é um navio sem lastro, com o qual as ondas jogam a seu talante. Um ano sem esperança é um campo imenso, mas deserto; uma árvore grande, mas que não dá frutos opimos; um dia longo de inverno sem sol. É preciso, porém,  mentalizar que a esperança é filha da virtude, companheira do otimista, mãe de toda a obra grande que se pretenda realizar no decorrer de 2011. A esperança é, de fato,  o sustentáculo da vida, é a amiga invisível dos nossos dias; parturejando, a cada hora, coragem, determinação, ânimo, entusiasmo. Ai de quem abandona este sustentáculo da vida. Desventurado quem desespera de ser ditoso. Que a esperança de cada um não conheça outros limites senão os da onipotência e da infinita bondade de Deus.  São Paulo afirmou “É por isso que trabalhamos e lutamos, porque temos posta a nossa confiança no Deus vivo, que é Salvador de todos os homens, sobretudo dos fiéis” (1 Tm 4,10). Então, sim, a paz reinará de primeiro de janeiro a trinta e um de dezembro. Paz consigo mesmo, com Deus e com o próximo. Deste modo, nunca se deixará de considerar sempre o lado bom dos acontecimentos, pois com harmonia interior tudo prospera, enquanto a agitação tudo arruína. É necessário, além disto, que todas as atividades sejam pautadas pela honestidade. O maior galardão de cada um é o aplauso da própria consciência. Honesto é aquele que mede o seu direito pelo dever cumprido com total eficiência. Toda boa ação é ouro que dura eternamente, além de repletar de beatitude quem sempre a pratica. Em tudo, porém,  deve prevalecer a sinceridade. Esta supõe  fidelidade a si mesmo, aos amigos, inspirando a todos a mais absoluta segurança no trato diário. É que a pessoa sincera fala sempre aquilo que pensa e inspira confiança sem limites, pois detesta a hipocrisia, a mentira, a falsidade. O artifício não dura mais do que um instante e gera a insegurança nos outros. Um coração sincero é aquele no qual reina um grande amor. Amor a Deus e ao próximo, eis o segredo de uma trajetória feliz através dos doze meses de 2011. Alguém afirmou com toda razão: "Nunca desvalorize ninguém. Guarde cada pessoa perto do seu coração, porque um dia você pode acordar e perceber que perdeu um diamante enquanto estava muito ocupado colecionando pedras", Por meio do prisma divinizante do amor tudo ganha sentido. É preciso, realmente, amar as maravilhas que o Arquiteto do universo espalhou por toda parte e ter olhos para ver a beleza das flores, das árvores, do firmamento à noite marchetado de estrelas, do luar encantador, da fonte cristalina. Este amor universal tudo abraça, tudo santifica e invade o ser humano de sensibilidade. Aquele que ama a natureza amará ainda mais o Criador de tudo e o seu semelhante. São João num instante de pulcra inspiração afirmou: “Deus é amor, e quem permanece no amor, permanece em Deus e Deus nele (Jo 4,16). Acrescentou, porém, que “Se alguém disser: Amo a Deus, mas odeia seu irmão, é mentiroso. Porque aquele que não ama seu irmão, a quem vê, é incapaz de amar a Deus, a quem não vê (1 Jo 4,20). Lembra  então o autor do livro “Imitação de Cristo”  que “o amor muitas vezes não sabe ter medida, mas vai além de todos os limites. Nada lhe pesa, nada lhe custa; empreende mais do que pode; não se desculpa com a impossibilidade, pois crê que tudo lhe é possível” [...] “Quem ama, corre, voa; vive alegre, é livre, e nada o embaraça”.  É que coração sem amor, é um campo árido, sempre cheio de espinhos e sem uma flor que nele se abra e se amenize. Entretanto, cumpre examinar as amizades, porque “amigos que são amigos trocam sentimentos;  amigos profissionais trocam cartões de visita; uma amizade dura para sempre;  uma amizade profissional dura apenas enquanto um estiver sendo útil ao outro; amigos de verdade perguntam se podem ajudar;  amigos profissionais solicitam favores; amigos de verdade estão no coração;  amigos profissionais estão numa planilha”. Em síntese, preces, esperança, paz, honestidade, sinceridade, amor; amizades autênticas,  eis alguns ingredientes seguros para um Ano Novo feliz.

 

Côn. JOSÉ GERALDO VIDIGAL DE CARVALHO   -    Professor no Seminário de Mariana durante  40 anos.



publicado por Luso-brasileiro às 16:40
link do post | favorito

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




mais sobre mim
arquivos

Junho 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

pesquisar
 
links