PAZ - Blogue luso-brasileiro
Terça-feira, 13 de Setembro de 2011
JOÃO CARLOS JOSÉ MARTINELLI - !6 DE SETEMBRO - DIA INTERNACIONAL DE PREVENÇÃO DA CAMADA DE AZÔNIO

                          

 

 

    

Vinte e quatro países se reuniram no Canadá em 1987 e se comprometeram a reduzir gradativamente a produção e o uso dos produtos químicos que destroem a camada de ozônio. Em razão do Protocolo de Montreal, lançado em 16 de setembro daquele ano, subscrito atualmente por cento e noventa e um países e considerado o mais bem-sucedido tratado mundial de proteção do ambiente, instituiu-se nesta data, o DIA INTERNACIONAL DE PREVENÇÃO DA CAMADA DE OZÔNIO.

Com efeito, o ozônio é um gás atmosférico azul-escuro, que se concentra na chamada estratosfera, uma região situada entre 20 e 40 km de altitude. A diferença entre ele e o oxigênio se resume a um átomo: enquanto uma molécula do segundo possui dois, uma dele possui três. No entanto, essa pequena diferença é fundamental para a manutenção de todas as formas de vida na Terra. A natureza protegeu o planeta com a camada de ozônio, que atua como uma espécie de membrana ou escudo que a protege dos raios solares de intensidade mais elevada (raios ultra violeta – UV) . Além de serem os maiores vilões do câncer de pele, podem causar catarata e debilitar o sistema imunológico das pessoas.

Efetivamente, o êxito das propostas do Protocolo é visível no nosso cotidiano. Tanto que não são mais vendidas geladeiras e aparelhos de ar-condicionado que usam o famigerado clorofluorcarboneto (CFC), gás que destrói a camada de ozônio. Nos supermercados, todo desodorante ostenta um selo que diz que aquele aerossol não o contém e nos noticiários, há muito que o aquecimento do planeta ocupou o seu lugar na pauta ambiental.

            De acordo com matéria assinada pelo jornalista Ricardo Westin, “nos anos 70, um grupo de pesquisadores descobriu que o CFC tinha a perigosa capacidade se subir à estratosfera e destruir o ozônio, deixando o caminho livre para os raios nocivos do Sol. A incredulidade inicial da comunidade científica aos poucos deu lugar à preocupante constatação de que alguma atitude de escala mundial precisaria ser tomada” (O Estado de São Paulo – 16/09/2007 – A26).

            Conforme disposto no mesmo texto, “apesar das mudanças aqui embaixo, o problema lá em cima não se resolve de imediato. Em 2007, o buraco da camada de ozônio sobre a Antártida tinha 23 milhões de quilômetros quadrados. O território do Brasil, como comparação, mede 8,5 milhões. Por causa da força do CFC já emitido, o buraco só deverá começar a diminuir daqui a sessenta anos”.

            Por isso, a conscientização de autoridades e da sociedade em geral para o problema é de suma importância, devendo-se promover com urgência, o desenvolvimento sustentável, definido pela Comissão Mundial sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento como o “desenvolvimento que atende às necessidades do presente sem comprometer a possibilidade das futuras gerações de atenderem às suas próprias necessidades”. Numa época marcada pelo individualismo, mas na qual a aspiração ecológica faz parte do exercício da cidadania, a proteção do meio ambiente não é uma tarefa exclusiva das autoridades, mas um compromisso de toda a sociedade.

 

 João Carlos José Martinelli é advogado, jornalista, escritor e professor universitário.



publicado por Luso-brasileiro às 12:48
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
arquivos

Maio 2022

Abril 2022

Março 2022

Fevereiro 2022

Janeiro 2022

Dezembro 2021

Novembro 2021

Outubro 2021

Setembro 2021

Julho 2021

Junho 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

pesquisar
 
links