PAZ - Blogue luso-brasileiro
Sábado, 28 de Julho de 2018
HUMBERTO PINHO DA SILVA - O DINHEIRO DO CRENTE É PARA EVANGELIZAR

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Brian J. Grim esteve em Portugal. Grim é o Presidente da: “Religious Freedon & Business Foundation”.

A revista “ Sábado”, entrevistou-o. Entre as perguntas que lhe fez, houve uma, que valeu a seguinte resposta:

O impacto da religião é visível em vários sectores, quer se trate de uma mesquita, igreja, sinagoga ou templo. Nas maiorias cristãs, sobretudo as igrejas tornaram-se centros não só de culto, mas de outras atividades com impacto económico. Muitas igrejas têm escolas, centro de assistência social e desportivo. Isso implica salários, conta de eletricidade e luz e tantas outras coisas que é preciso gerir. Há um estudo que diz que se uma igreja ou uma congregação religiosa sair de uma cidade, o bairro onde está instalada entrará em declínio económico na década seguinte. Nos EUA, as pessoas visitam três vezes mais igrejas do que museus, quando querem apreciar arte – “ Sábado” 16 a 22 de Dezembro de 2017.

Grim, como alguns responsáveis pelas Confissões religiosas, parece preocupar-se mais com a igreja material, do que A espiritual.

Alguns sacerdotes estão mais interessados na promoção social, do que difundir o Evangelho, e levar almas a Cristo.

Pastores há, que vivem de congresso em congresso; que misturam: religião com política; vivendo do dizimo, e das doações dos crentes, quase sem evangelizarem.

O sacerdote deve viver do altar (Iº Co:9,13). Receber o bastante para que nada lhe falte; mas não para adquirir: viaturas topo de gama, aviões e luxuosas residências.

Quando andava a recolher dados biográficos de Diogo Cassels – pastor anglicano, que não foi canonizado, porque não era católico, – falei com jovem sacerdote para obter informações sobre o Sr. Dioguinho (Diogo Cassels); e fiquei a saber, durante a conversa, Que, como o Sr. Dioguinho, também ele nada recebia da Igreja. Como Professor, tinha o bastante para seu sustento.

O dinheiro do crente, não pode servir para se viver, em almoços de “ serviço”, e em hotéis de cinco estrelas; mas para cuidar necessitados e atividades evangélicas.

Era assim que Fr. Bartolomeu dos Mártires, pensava. Diz Frei Luís de Sousa – um dos nossos melhores clássicos, – que o Arcebispo, dizia a quem o censurava de sovinice:

“ Do casal que herdei de meu pai posso dispor à minha vontade. Enriquecer o meu sangue com o alheio, que são bens da Igreja, deputados somente pera obras pias, não sei teologia que aconselhe nem consinta – “ Vida de D. Fr. Bartolomeu dos Mártires”, de Frei Luís de Sousa. Edição da Sá da Costa, 1946 - Volume II, Cap. XXV, Pág.: 174.

Infelizmente nem todos são como o Arcebispo, se o fossem, o cristianismo estava mais expandido, e a evangelização era mais convincente.

Todo crente, dentro das suas posses deve auxiliar a Igreja. Sem dinheiro, a evangelização torna-se difícil. Meio fácil, e sem custo, é doar no Imposto de Renda, a percentagem que o Estado oferece às comunidades religiosas. Quantos católicos contribuem, por esse meio?

Uma percentagem ínfima. Grande parte “ esquecem-se” de o fazer.

Há católicos, que “ choram”, os contributos anuais para a paróquia. Em regra, dá-se o que se quer.

Conheço crente, que vive no interior; quando solicitado para pagar a côngrua, responde: “ Para o padre nada dou! …” E vive na abastança e grande luxo!...

Em conclusão: se sacerdotes há, que vivem como nababos. Há, igualmente, fiéis, que pouco se preocupam com a divulgação da Palavra.

Por tudo isso, é que, decorridos mais de dois mil anos, o cristianismo ainda não chegou a todos…e até está regredindo em muitos países.

 

 

 

 

HUMBERTO PINHO DA SILVA   -   Porto, Portugal



publicado por Luso-brasileiro às 18:22
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
arquivos

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

pesquisar
 
links