PAZ - Blogue luso-brasileiro
Segunda-feira, 23 de Fevereiro de 2015
JOÃO CARLOS JOSÉ MARTINELLI - A PÉSSIMA SITUAÇÃO DOS PROFESSORES NO BRASIL

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mestres mal pagos em todo o País; excesso da jornada de trabalho; humilhações; abandono de carreira e disputa frenética por vagas nos quadros da escola particular. O retrato do magistério brasileiro não poderia ser pior, e tem preocupado muito nos últimos anos. Infelizmente, a classe tem sido tratada com frieza, sem compromisso social, afastando-a de sua importância como principal componente da educação e da cultura geral.

Um aspecto muito triste que se tem verificado é que muitas instituições de ensino, competindo no mercado, têm colocado exatamente a figura do professor como a mais vulnerável do processo. Tanto que, qualquer circunstância envolvendo corte de custos, reflete diretamente no corpo docente.

            Recentemente especialistas da UNESCO propuseram, diante dos desafios da atualidade – rapidez das comunicações em todo o mundo, mercados globalizados, sistemas instantâneos de informações, crise de empregos e necessidade de atualização e profissional e cultural - algumas características inerentes à formação do profissional do futuro: ser flexível, capaz e disposto a contribuir para a inovação e ser criativo; ser capaz de lidar com incertezas, estar interessado e ser capaz de aprender ao longo da vida; ter adquirido sensibilidade social e aptidões para a comunicação; ser capaz de trabalhar em equipe, desejar assumir responsabilidades, tornar-se empreendedor; preparar-se para o mundo do trabalho internacionalizado por meio do conhecimento de diferentes culturas e, finalmente, ser versátil em aptidões multidisciplinares e ter noções de áreas do conhecimento que formam a base de várias habilidades, como tecnologias e informática.

         Como alcançar tais atributos se os professores brasileiros não são entendidos como protagonistas imprescindíveis na implantação das ações que melhorem a qualidade do ensino? Hoje, infelizmente, são meros executores de políticas educacionais originárias de gabinetes governamentais, sendo as circunstâncias salariais e estruturais ao exercício profissional as piores possíveis. É preciso garantir-lhes efetiva participação nos processos decisórios de gestão educacional e também lhes outorgar condições para que possam se desenvolver dentro dos padrões necessários e compatíveis com a realidade.

Com razão já expressava o eminente educador Paulo Freire: - “A luta dos professores em defesa de seus direitos e de sua dignidade deve ser entendida como um momento importante de sua prática docente, enquanto prática ética”.

 

 

 

JOÃO CARLOS JOSÉ MARTINELLI é advogado, jornalista, escritor e professor universitário (martinelliadv@hotmail.com).

                       



publicado por Luso-brasileiro às 11:11
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
arquivos

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

pesquisar
 
links