PAZ - Blogue luso-brasileiro
Segunda-feira, 30 de Março de 2015
JOÃO CARLOS JOSÉ MARTINELLI - A CELEBRAÇÃO DA SEMANA SANTA TEM PROFUNDO SIGNIFICADO

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A semana que se inicia com o Domingo de Ramos, para os cristãos, notadamente os católicos, é chamada de “santa”. E assim a designam em razão dos grandes acontecimentos da história e da própria Igreja relembrados neste período. A sua celebração, no entanto, se revela em ótima oportunidade para uma busca maior de conversão e mais que simples representação religiosa, os fatos que se revivem despertam nos homens, o significado divino de que vêm carregados, atualizando em cada um de nós, os sentidos de solidariedade, de fraternidade e de Justiça Social.

            Infelizmente muitas pessoas transformam esses dias em simples feriadão, numa espécie de pequeno veraneio e, até, em tempo de mera diversão ou coisa semelhante, afastando-se de seu real sentido. Nesta trilha, invoquemos D. Geraldo Majella:- “Na atmosfera atarefada na qual vivemos, em nosso ambiente secularizado e laicista, a grande Hora de Cristo, a sua doação de Amor sem reserva, essas realidades que mudaram não a face do mundo, mas o valor de nossa alma e sua perspectiva de vida correm o risco de serem desperdiçadas como uma espécie de fim de semana prolongado, como um tempo para não pensar, quando devia ser um tempo de pensar e, se possível, um tempo de rezar” (“A Tarde- Bh.- pág. 02- 16/04/2000).

            Com efeito, a Semana Santa se constitui num privilegiado tempo de encontro com Deus; época de pararmos e fazermos uma revisão de vida, de aprofundarmos a nossa vivência pessoal e compará-la à própria trajetória de Cristo; e momento de destacarmos o ato supremo de Amor. Seus ritos cheios de beleza, de encantamento litúrgico e de mistério, são celebrativos de ocorrências que têm muito a ver com as esperanças e angústias dos dias atuais.

            Desta forma, deveríamos nos focar nas mensagens que se podem e devem extrair desse período, no qual são recordados os sofrimentos, os constrangimentos e principalmente as injustiças impostas a alguém que só pregou o bem, a ordem social e principalmente o respeito ao próximo, fazendo-nos crer que ainda hoje, as pessoas bem intencionadas, éticas e idealistas são vítimas de constantes de agressões e ofensas semelhantes, pois prevalece uma manifesta inversão de valores. No entanto, o enfrentamento também caracteriza àqueles que se dispõe a lutar pelo respeito irrestrito à dignidade da pessoa humana.

            Com efeito, numa sociedade cada vez mais individualista, onde o consumo parece ditar todas as normas, necessitamos de momentos de coragem para tentarmos mudar o sórdido quadro que prevalece, a partir de uma consciente participação comunitária e de uma renovação nas nossas formas cristãs de viver, convencidos de que o cristianismo é sinônimo de comprometimento humilde com o exercício do serviço fraterno, buscando construir uma sociedade justa e solidária.

            Citemos, a título de meditação, trechos do documento “Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil”, editado em setembro de 1999 pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), durante uma ação evangelizadora:- “A sociedade concreta em que vivemos, em nosso país e em grande parte do mundo, está marcada pelas desigualdades, egoísmo e injustiças”. – “O empenho consciente do trabalho social da Igreja levará a questionar e lutar por transformar as estruturas e as decisões políticas e também contra o absolutismo da economia de mercado que sobrepõe às outras dimensões da vida humana e gera a exclusão daqueles que não são economicamente úteis”. – “Defende-se uma ‘nova evangelização’ para superar os limites históricos do nosso cristianismo por um empenho mais profundo na articulação entre a fé e vida; pela superação do mais devastador e humilhante flagelo da miséria extrema a que são submetidos milhões de brasileiros, atingidos por diversas formas de exclusão social, étnica e cultural através da promoção da justiça e da libertação integral”.

            Num ano em que a própria Campanha da Fraternidade prega a importância da Igreja nas questões sociais, nada mais sereno do que priorizar as coisas do espírito em detrimento das materiais, valorizando os princípios da igualdade, da liberdade e da solidariedade, que embasam as gerações dos Direitos Humanos em geral.

 

 

      

JOÃO CARLOS JOSÉ MARTINELLI é advogado, jornalista, escritor e professor universitário (martinelliadv@hotmail.com).



publicado por Luso-brasileiro às 11:27
link do post | favorito

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




mais sobre mim
arquivos

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

pesquisar
 
links