Blogue luso-brasileiro
Sábado, 28 de Abril de 2018
MARIA CRISTINA CASTILHO DE ANDRADE - A ARTE DE SE CONTRARIAR

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

2vl2knt.jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 
São três assuntos que possuem em comum o uso de drogas. 
Em artigo na Folha de São Paulo de 15 de abril – C6 Ilustrada -, o Dr. Drauzio Varella discorreu sobre um efeito colateral do uso da maconha: a síndrome de hiperemese por canabinoides (SHC). O desconhecimento sobre essa síndrome dá origem a exames laboratoriais, ultrassons, tomografias e endoscopias inúteis. Segundo Varella, “em alguns casos, o quadro é interpretado como crises de vesícula biliar, apendicite ou obstrução intestinal, suspeitas que podem levar ao centro cirúrgico”. E há pessoas encaminhadas para tratamentos psiquiátricos prolongados, nos quais recebem antidepressivos e ansiolíticos que agravam o quadro. E eu que pensava que o grande problema da maconha fosse, apenas, abrir uma porta, como o álcool, para outros tipos de droga.
Junto à reflexão sobre o assunto, tenho comigo a fala de um adolescente e um moço. Conheci os dois aos 11 anos. Um foi meu aluno de português. Rebelde, questionador, mas sem perder a claridade de alma em suas redações. Em meio aos seus gingados, que tocavam despenhadeiros, jamais deixei de acreditar na sua possibilidade de voo no azul. O adolescente cresceu aos trancos e barrancos, de cara fechada, amargurado. Na primeira oportunidade, fez-se das drogas e do tráfico. Um dia desses, encontrava-se em papel de “olheiro”. Comentou, no radinho, com o “patrão” que a polícia se aproximava. Recebeu como resposta que era para se manter na “visão”. Foi detido. A algema doeu fundo. Pediu para alargá-la um pouco. Observaram seu pulso esquálido. Apertaram mais. Temeriam uma fuga? Restaram-lhe duas pulseiras de feridas. 
O moço, hoje com 41 anos, usuário por 25 anos, reconheceu, na humildade, seus limites, abriu mão das justificativas para sua história pessoal. Deixou de desistir de si mesmo. Gosta do conceito de que recuperação é a arte de se contrariar, enfatizando que hoje a disciplina é sua liberdade. Além do Poder Superior em que acredita, foram essenciais em sua escolha: a vontade própria, a esposa amada, o esporte, o NA. Insiste que a dependência química é uma questão de saúde pública, que o tráfico é mantido por pessoas em condições de adquirir drogas mais caras, que também “sobem o morro” com seus carros de luxo, fortalecendo o ilícito. A diferença está no local de consumo. Conteúdo para se perscrutar. 
 
 

 

 

MARIA CRISTINA CASTILHO DE ANDRADE -

 Professora e cronista. Coordenadora diocesana da Pastoral da Mulher – Santa Maria Madalena/ Magdala. Jundiaí, Brasil.

 



publicado por Luso-brasileiro às 15:11
link do post | comentar | favorito

Europa
mais sobre mim
Brasil
arquivos

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

pesquisar
 
Foz Coa
links