PAZ - Blogue luso-brasileiro
Sexta-feira, 31 de Janeiro de 2020
MARIA CRISTINA CASTILHO DE ANDRADE - MEMÓRIAS DE DEZEMBRO

 

 

 

 

 

 

 

 

2vl2knt.jpg

 

 

 

 

 

 


 
Antes que janeiro termine, eles me contaram, em espaços diferentes, suas histórias de Natal.
O moço conheço desde menino. Viu-me no portão e se aproximou para relatar o lado dele. Está em busca de tratamento para a dependência. A companheira não o quer mais, contudo é preciso resolver como fica a questão da filha pequenina. Acrescento que, dessa vez, no registro da ocorrência, ela pediu medida protetiva. Nem imagina de que distância seja. Segundo ele, teve mesmo que bater nela. Ao entardecer do dia de Natal, foi ao bar. A moça chegou em seguida, deu-lhe um tapa no braço, o copo voou longe. Retornou para a casa como se nada tivesse acontecido. Foi atrás dela. Recebeu-o com palavras ofensivas e uma bofetada no rosto. Reagiu e virou confusão. Veio a polícia, exame de corpo de delito... Enquanto não encontrava um lugar para se aprumar, continuou no mesmo espaço. Saiu não faz muito e, na realidade, prossegue sem noção das consequências do seu ato e daquilo que pode acontecer ainda. Percebem-se, claramente, os buracos que o álcool cavou em sua lucidez reduzida. Covas estéreis. Enquanto conversava, a ex-companheira se aproximou e pediu a bicicleta emprestada para ir um pouco mais à frente. Cedeu de imediato. Gosta dela, me falou. O mesmo que ela me testemunhou ao apanhar na gravidez. Ai, meu Deus do Céu!
A senhora também tinha algo forte, em 15 de janeiro, primeira reunião do ano da Pastoral da Mulher, a anunciar. Comentou com os olhos em pranto. Como acontece desde pequenina – perdeu o pai no dia em que nasceu e a mãe aos cinco anos -, não foi possível, por condições financeiras, um almoço diferenciado de Natal e muito menos uma troca de presentes. Quantos natais de pré-adolescente no entorno das mansões cujos jovens, em troca de um doce, a levavam, com outras meninas, para os matagais.  Exatamente no Natal de 2019, o filho chegou, pela porta da frente dos dois cômodos em que reside, com o alvará definitivo de soltura da prisão. Completou-se o tempo e ele, limpo das drogas, decidiu pela luz. Na semana seguinte, já arranjara um serviço como ajudante. O melhor presente que poderia receber segundo ela. Valeu os que não teve.
Violência e abraço. Medida protetiva e de acolhimento.
Que o Senhor faça brotar sementes férteis de reconstrução nos antros áridos dos desatinos e que nós possamos regá-las com orvalho do Céu!
 

 

 

MARIA CRISTINA CASTILHO DE ANDRADE -

 Professora e cronista. Coordenadora diocesana da Pastoral da Mulher – Santa Maria Madalena/ Magdala. Jundiaí, Brasil.

 

 




publicado por Luso-brasileiro às 17:15
link do post | favorito

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




mais sobre mim
arquivos

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

pesquisar
 
links