PAZ - Blogue luso-brasileiro
Quarta-feira, 28 de Julho de 2021
PAULO R. LABEGALINI - REFÚGIO NO SAGRADO CORAÇÃO

 

 

 

 

 

 

Paulo Labegalini.jpg

 

 

 

 

 

 

Na obra ‘Preparação para a morte’, Santo Afonso Maria de Ligório diz o seguinte: “Pela maneira como o condenado cair no inferno no último dia, dessa maneira viverá ali constrangidamente, sem nunca mudar de situação e sem nunca poder mexer pés nem mãos, enquanto Deus for Deus”. E são informações desta natureza que motivam muita gente a procurar refúgio em tudo o que é sagrado para se livrar de tamanho sofrimento.

Por exemplo, é impressionante como a música católica ‘Cantando as doze promessas’ agrada a todos que a escutam, sem exceção. Toda vez que eu e minha filha a cantamos na missa, vieram pessoas pedindo a letra ou querendo as cifras da melodia. A maravilhosa composição – inspirada nas promessas de Jesus ao aparecer a Santa Margarida Maria (França, 1647-1690) – nos ajuda a propagar a devoção ao Sagrado Coração e a ter certeza de que receberemos as graças necessárias para cumprir fielmente a nossa missão: de pai, de mãe, de filho, de padre, de religiosa, de agente pastoral etc.

Costumo dizer que para herdarmos o céu ou o inferno é só uma questão de opção, mas para não nos arriscarmos ir conhecer a casa do demônio – lugar de tormentos às almas que morrem na inimizade de Deus (Lc,16-28) –, rezemos assim ao Sagrado Coração de Jesus:

‘Senhor, eis-me aqui, remido por Teu precioso Sangue. Deixa-me entrar mais e mais dentro desse Coração misericordioso. Deixa-me perceber os Teus sentimentos, o Teu grande amor ao Pai e à humanidade. Que, do Teu Coração aberto, possa emanar o poder da Divindade que, atingindo o meu coração, renove-o totalmente à semelhança do Teu Coração! Amém!’

E quando falamos dessa devoção maravilhosa, logo lembramos do fundador da Congregação dos Missionários do Sagrado Coração, Padre Júlio Chevalier. Há 167 anos, a espiritualidade do Coração de Jesus permitiu a ele olhar Cristo nos Evangelhos com as virtudes do coração: constância, generosidade e, sobretudo, a necessidade de manifestar a bondade de Deus. E com seu temperamento forte e sua capacidade de trabalho, Chevalier se entregou por completo ao lema: “Amado seja por toda parte o Sagrado Coração de Jesus!”

Hoje, a devoção a Nossa Senhora do Sagrado Coração ocupa um lugar de destaque nas obras dos Missionários porque o amor que Cristo revelou a ela brotou da paixão pela salvação de todos nós. Portanto, quem procura refúgio eterno no Coração de Jesus, deve entregar-se nos braços da Virgem Maria.

Faço minhas as palavras da música do Pe. Joãozinho: “Conheço um Coração tão manso, humilde e sereno, que louva ao Pai por revelar Seu nome aos pequenos, que tem o dom de amar e sabe perdoar e deu a vida para nos salvar...”.

 

 

 

PAULO R. LABEGALINI   -  Cursilhista e Ovisista. Vicentino em Itajubá. Engenheiro civil e professor doutor do Instituto Federal Sul de Minas (Pouso Alegre - MG).



publicado por Luso-brasileiro às 16:59
link do post | favorito

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




mais sobre mim
arquivos

Janeiro 2022

Dezembro 2021

Novembro 2021

Outubro 2021

Setembro 2021

Julho 2021

Junho 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

pesquisar
 
links