PAZ - Blogue luso-brasileiro
Quinta-feira, 31 de Agosto de 2017
PAULO R. LABEGALINI - SONHOS

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Paulo Labegalini.jpg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Desde pequena, Karina só tinha conhecido uma paixão: dançar e ser uma das principais bailarinas do Ballet Bolshoi. Seus pais haviam desistido de lhe exigir empenho em qualquer outra atividade.

Certa vez, ela teve sua grande chance profissional ao conseguir uma audiência com o diretor do Bolshoi, que estava selecionando aspirantes para a companhia. Nessa oportunidade, Karina dançou como se fosse seu último dia na Terra. Colocou tudo que aprendera em cada movimento, pensando que sua vida inteira pudesse ser contada num único passo.

Ao final, aproximou-se do renomado diretor e perguntou-lhe: ‘Então, o senhor acha que posso me tornar uma grande bailarina?’. E decepcionou-se com a resposta. Na longa viagem de volta à sua aldeia, Karina, em meio às lágrimas, imaginou que nunca mais aquele ‘não’ deixaria de soar em sua mente.

Meses se passaram até que pudesse novamente calçar uma sapatilha e fazer seu alongamento em frente ao espelho. Dez anos mais tarde, quando já era uma estimada professora de ballet, ela criou coragem de ir à apresentação anual do Bolshoi em sua região. Sentou-se bem à frente e notou que o senhor Davidovitch ainda era o diretor máster.

Após o concerto, aproximou-se dele e contou-lhe o quanto lhe doera, anos atrás, ter ouvido que não seria capaz de ser profissional.

– Mas, minha filha, – disse o diretor – eu digo isso a todas as aspirantes!

Com o coração ainda aos saltos, Karina não pôde conter a revolta e desabafou:

– Como o senhor foi cometer uma injustiça dessas? Eu poderia ter sido uma grande bailarina se não fosse o descaso com que o senhor me avaliou!

Havia solidariedade e compreensão na voz do diretor, mas ele não hesitou na resposta:

– Perdoe-me, mas você nunca poderia ter sido grande o suficiente se foi capaz de abandonar seu sonho na primeira opinião contrária que ouviu.

Pois é, esta história sugere que devemos continuar sonhando, com capacidade e dedicação, quando buscamos alcançar nossas metas honestamente. A cada sonho, muitos obstáculos terão que ser transpostos, e será importante lutarmos sempre contra o medo e a preguiça para vencermos. Mark Twain disse: “Nunca se afaste de seus sonhos porque, se eles se forem, você continuará vivendo, mas terá deixado de existir”.

E São Luis Maria Grignion de Montfort, pregador do século 17 e autor do Tratado da Verdadeira Devoção à Virgem Santíssima, também escreveu isto sobre Nossa Senhora:

“A sua humildade era tão profunda que não teve na Terra interesse mais forte e mais constante do que esconder-se perante si mesma e perante toda criatura, para só ser conhecida por Deus. O Pai consentiu que ela não fizesse qualquer milagre durante a sua vida, pelo menos que se soubesse. Deus Filho consentiu que ela quase não falasse, embora lhe tivesse comunicado a sua sabedoria. E Deus Espírito Santo consentiu que os apóstolos e os evangelistas falassem muito pouco dela, apenas o necessário para dar a conhecer Jesus Cristo, embora ela tivesse sido a sua esposa fiel.

Maria é a excelente obra-prima do Altíssimo, da qual só Ele tem o conhecimento e a posse. Maria é a fonte selada e a esposa fiel do Espírito Santo, onde só Ele pode entrar. Maria é o santuário e o lugar do repouso da Santíssima Trindade, onde Deus está de forma mais magnífica e divina do que em qualquer outro lugar do universo, incluindo a sua morada acima dos querubins e dos serafins; e não é permitido a nenhuma criatura, por mais pura que seja, entrar nela sem um privilégio especial.

Digo-o com todos os santos: Maria é o paraiso terrestre do novo Adão. É o grande e divino mundo de Deus, onde há belezas e tesouros inefáveis. É a magnificência do Altíssimo, onde Ele escondeu, como em seu próprio seio, o seu Filho único e, nele, tudo o que há de mais excelente e mais precioso. Oh, quantas coisas grandes e ocultas fez o Deus poderoso nesta criatura admirável, como ela mesma se sente obrigada a dizer, apesar da sua profunda humildade: ‘O Todo-Poderoso fez em mim grandes coisas!’. O mundo não as conhece porque disso é incapaz e indigno.”

Portanto, Nossa Senhora nos ensinou os maiores segredos para alcançarmos os nossos objetivos: humildade, oração e caridade. Infelizmente, a maioria das pessoas – como eu – só aprende isso depois dos quarenta! Muitos jovens pensam que somente a capacidade e a dedicação bastam, e vários quebram a cara porque se afastam de Deus.

Voltando à bailarina da história, será que rezou o suficiente antes de se apresentar ao diretor? Sua autossuficiência não pode tê-la prejudicado?

Então, procure fazer de sua vida um mar de bênçãos. Para isso, persiga um sonho que promova a paz no nosso meio, reze diariamente pedindo ajuda à Virgem Maria para fugir dos pecados que lhe cercam e tenha uma conduta digna de ser filho de Deus.

Assim, a felicidade de ver seu sonho realizado chegará.

 

 

 

 

PAULO ROBERTO LABEGALINI - Escritor católico. Vicentino de Itajubá - Minas Gerais - Brasil. Professor doutor do Instituto Federal Sul de Minas - Pouso Alegre.‘Autor do livro ‘Mensagens Infantis Educativas’ – Editora Cleofas



publicado por Luso-brasileiro às 10:44
link do post | favorito

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




mais sobre mim
arquivos

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

pesquisar
 
links