PAZ - Blogue luso-brasileiro
Domingo, 27 de Janeiro de 2019
VALQUÍRIA GESQUI MALAGOLI - INTRODUÇÃO À INTRODUÇÃO

 

 

 

 

Valquíria Malagoli_Blog da Paz.jpg

 

 

 

 

 

Lia eu a introdução a uma obra de Álvaro de Campos, heterônimo de Fernando Pessoa, quando algo me invadiu: eu.

Em meio à introdução, o preâmbulo, algo me preambulou também; tocou-me, ou melhor, toquei-me, invadi-me, penetrei-me, que seja: introduzi-me.

Feri-me de mim mesma, algo assim.

Na verdade, nem sei bem o que foi que se passou. Mas, indolor, ah... isso não foi mesmo!

Ouvia eu, pois, a autora do tal texto dizer, lendo-a com suas palavras, o que, agora, com estas minhas pretensamente quero lhes explicar, a saber: que por horas ela teve o privilégio de segurar com as suas os papeis que antanho o múltiplo português segurara nas próprias mãos.

Pasmei. Parei. Invejei-a. Não pelo objeto. Não pela posse dele por um breve intervalo de tempo.

Invejei-a pelo toque. Sou o tipo de gente que carece de toque. Que literalmente morre pelo toque.

E eu quis tocar aquelas folhas, aqueles cadernos... Caramba, como eu quis!!!

Em seu trabalho de prefaciar, a estudiosa continuou: não obstante a árdua tarefa imposta à equipe que a acompanhara na empreitada, ela tinha a certeza de que o simples fato de cada um dos integrantes da mesma ter lido e relido aquelas linhas... era para cada qual, em si, o maior prêmio.

Caramba de novo – esse prêmio eu queria!

De repente, não mais que de repente, como diria nosso brasileiríssimo poetinha Vinicius, outra lança me veio tocar...

O livro, o exato livro em minhas mãos, no qual eu lia e relia o texto ao qual me refiro... fora presente de um saudoso, aliás, saudosíssimo amigo poeta, pensador, mas, sobretudo amigo...

Corri à cata de sua dedicatória. Ele não a fizera. No ímpeto, porém, de encontrá-la, esqueci por um instante que ela nada escrevera.

Pensei, entretanto, nele, às voltas na livraria, perambulando entre as estantes, folheando livro a livro demoradamente como apreciava fazer com palavra a palavra...

Caramba! Senti, então, uma inveja de mim!!!

Uma baita inveja de estar ali – eu – àquela hora, introduzindo os minutos na esteira das horas, estranhamente vazia por causa da tocante “saudade” de Pessoa que não conheci; repleta, outrossim, da especial pessoa que me privilegiara com a chance de sentir de si verdadeira saudade sem aspas.

 

 

 

Valquíria Gesqui Malagoli, escritora e poetisa, vmalagoli@uol.com.br



publicado por Luso-brasileiro às 15:58
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
arquivos

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

pesquisar
 
links